segunda-feira, 7 de agosto de 2017

Fantasia fruto da sua carência ou admiração real?

Resultado de imagem para paixao

Primeiramente para identificar se o interesse por alguém está relacionado à própria carência ou real admiração é necessário que haja autoconhecimento. Quando uma pessoa não se conhece, não reconhece seus pensamentos e não percebe sua forma de agir de acordo com as situações que ocorrem, é mais difícil encontrar resposta para essa questão. Mas quando ela se conhece, vai analisando a situação, seus pensamentos e reações, chega a conclusão se o interesse é uma necessidade “louca” de suprir a carência ou se realmente os fatos observados na outra pessoa são coerentes com o que se deseja em um relacionamento.

Vamos tentar entender por 2 exemplos: 

1) X sente algo diferente por Y. Tornou-se seu “crush”, como dizem. Paixao, pensamentos e imaginações... Com o tempo X vai conhecendo Y, observa sua personalidade, se respeita as pessoas ou não, percebe os princípios que segue, os objetivos de vida, como lida com a família, com emprego e estudos, e só ouve falar coisas boas pois seu testemunho é bom! Percebe também que a pessoa tem defeitos como todo mundo tem, mas que são SUPORTÁVEIS, se encaixando com os projetos que vida que ela tem. ISSO É ADMIRAÇÃO!

2) X sente algo diferente por Y. Tornou-se seu “crush”, como dizem. Paixao, pensamentos e imaginações... Com o tempo X vai conhecendo Y, observa sua personalidade, se respeita as pessoas ou não, percebe os princípios que segue, os objetivos de vida, como lida com a família, com emprego e estudos, etc.

As observações referentes a Y NÃO são COERENTES com o estilo e objetivo de vida de X, mas X insiste que os sentimentos valem muito mais que os fatos reais! Coloca o sentimento ACIMA da razao achando que é melhor aquele relacionamento do que ficar sozinho(a), apesar de seus projetos de vida serem muito diferentes. ISSO É CARÊNCIA!

OBS: em qualquer dessas situações o relacionamento pode acontecer ou não, no entanto, você precisa ter um panorama correto sobre si mesmo para não insistir numa direção que te levará à frustração!  

Texto by ENSOL POÇO DE JACÓ

Nenhum comentário:

Postar um comentário